Notícias

SAMAE de Campos Novos decide pela demolição da Caixa d’água do Bairro Aparecida

CAPA

Precauções
Foto: Jornalismo Simpatia FM

 

Em sessão realizada na Câmara de Vereadores de Campos Novos na última terça-feira (18), o Vereador Marciano Dalmolin (PP), apresentou uma indicação pedindo uma solução para “Urgente Demolição” da caixa d’água localizada na Av. Sagrado Coração de Maria e relatou a preocupação das pessoas que residem nas imediações da estrutura.

 

 IMG_20170420_145609172

 

De acordo com Dalmolin, os moradores do local temem pela queda da construção sobre as residências, veículos e pedestres. Segundo relato de um dos moradores ao Departamento de Jornalismo da Rádio Simpatia FM, em dias de chuva e fortes ventos, a família abandona a residência temendo por suas vidas. Informou ainda que seguradora responsável pelos patrimônios, afirmou que não se responsabiliza por prováveis prejuízos causados por uma queda da estrutura.

 

 

O que diz o SAMAE

 

Procurado pela Rádio Simpatia, o Diretor do SAMAE, Alexandre Kunen, apresentou um laudo técnico do reservatório realizado em 2016 que concluiu que a estrutura do mesmo é segura e não oferece riscos aos moradores.

 

Construído em 1977, o reservatório possui capacidade de 42m³, ou seja, 42 mil litros de agua, mas já está desativado a mais de 10 anos e tem 8 metros de altura. Alexandre Kunem informou que e a norma vigente prevê no mínimo 10 metros de altura de pressão na entrada do ramal do usuário ficando, portanto, aquela estrutura fora das normas exigidas atualmente.

 

Diante disso o SAMAE optou pela retirada do reservatório e não mais a sua reutilização. Caso tivesse a pressão necessária, o volume de reservação atenderia pouco mais de meia hora do consumo diário do Bairro Aparecida.

 

Falhas na impermeabilidade externa do reservatório já foram observadas desde a época em que a caixa era utilizada, sendo observadas pequenas infiltrações que se agravaram com o tempo e falta de uso do reservatório.

 

 IMG_20170420_103558132

 

Para finalizar, Alexandre afirmou que na ETA (Estação de Tratamento de Água), existe um reservatório com capacidade de 2.000m³. No mesmo local ainda está a disposição um segundo reservatório com capacidade de 1.500m³, que será reativada para garantir o estoque necessário para atender toda a demanda da cidade. “A construção e um novo reservatório no bairro Aparecida está descartado por enquanto”, afirmou.

 

A partir de agora, cabe a administração de Campos Novos, abrir um processo de licitação que já está sendo elaborado, para que definir qual será a empresa responsável para realizar os trabalhos de demolição da estrutura.

 

 

GIRO DE NOTÍCIAS – Jornalismo Simpatia FM

Deixe seu comentário

Comentário

America/Sao_Paulo aqui